Banner Agenda

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Você, empreendendo seu próprio sucesso (“Queira, você pode”)!
  Data/Hora: 9.jan.2018 - 11h 6 - Colunista: Inácio Dantas  
 
 
clique para ampliar

Não deixe para depois o que pode fazer agora”: esta máxima é antiga, mas atual e verdadeira. Tempo perdido é riqueza jogada num bueiro... A “dica” é: corra atrás dos seus sonhos, realize seus planos e projetos. Mas, para sagrar-se vencedor, outra “dica”: autoaperfeiçoe-se. A disputa existe, é tensa e quem sair na frente chega primeiro – e ocupa um lugar privilegiado no ranking global.

 

 

1.Autoaperfeiçoando a si mesmo

 

Invista em você, qualifique-se. Seja o que quer ser, faça o que quer fazer, conquiste o que quer conquistar. Por que não? Você pode, sim senhor! Mas, aja rápido e com assertiva. Use atalhos (lícitos) para “chegar lá”. Cansaço? Preguiça? Nada disso! Encoraje-se: o campus da faculdade é receptivo e aprazível, local onde borbulha cultura, saber, conhecimento.

 

Se for o caso, mude de curso[1], de instituição – não estude o que não assimila, simplesmente para ter o status de bacharel. Estude, isto sim, para transformar-se, absorvendo conhecimentos que o impulsionem, não só à formatura, mas sobretudo ao domínio de técnicas e procedimentos, burilando seu autoaperfeiçoamento. Mas, atenção, sempre dentro do que você busca para si, dos seus sonhos, onde você encontra sua realização e completude. O dinheiro? Não se preocupe, ele vem!

 

Não trabalhe no que não o faz realizado. Poupe tempo, gastos, massa cefálica...

Bandeie para o canteiro dos seus sonhos e construa sua obra. Talvez na mesma empresa (Mudança linear, ascensão...), ou em outra filial ou até mesmo em outra empresa, e, quiçá, num negócio próprio...

 

2.Microempreendedor individual-MEI[2]

 

A Lei Complementar nº 128/2008 que alterou a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa (Lei Complementar nº 123/2006) cria a figura do Microempreendedor Individual. Essa é uma opção, fácil, baixíssimo custo (impostos, contador, papelada...) para você constituir seu próprio negócio, ser seu próprio patrão. No portal do Empreendedor você pode “abrir” sua empresa, em questão de minutos, ter seu próprio CNPJ, emitir nota-fiscal e iniciar sua atividade.

 

Grandes negócios começam pequenos...

Quer um baita incentivo? Então veja o exemplo do estadunidense Bill Gates, multibilionário, dono da Microsoft, uma das maiores corporações do mundo na área de tecnologia da informação (Dona do Windows). Ele começou humildemente “numa pequena garagem”, e, com muito trabalho e inteligência hoje é um expoente mundial.

 

Autoaperfeiçoar-se: ponha isso no seu crânio como objetivo financeiro, de ser e viver. Se se sentir pronto para alçar voo próprio, abra sua MEI (o custo de impostos é algo em torno de 5% do Salário Mínimo) e expanda seu talento, dê luz à sua criatividade, energize sua força de trabalho, produza bens e serviços e tenha uma existência alicerçada nos seus próprios passos, uma trajetória segura, longeva e feliz.

 

3.Você no mercado de trabalho – “o (a) melhor”.

 

Autoaperfeiçoar-se é palavra da hora, arma de sobrevivência na selva das competições.

Hoje, nesse mundo competitivo, um profissional quer “ser melhor que outro”, seja em que função ou atividade for. Essa qualificação, no âmbito das ciências econômicas, está no rol das “Estruturas de Mercado” e denomina-se “Concorrência Monopolística”[3]. Ora, quem é o “melhor” tem melhores ofertas de trabalho, maior demanda por sua mão-de-obra e melhores salários. Um exemplo típico é o CR7, o português Cristiano Ronaldo[4], eleito (2017) o melhor jogador de futebol do mundo: seus ganhos são astronômicos, associado ao prestígio internacional. Ou ainda, a cantora estadunidense Taylor Swift, uma cantora que supera milhões de discos vendidos (2017), acumulando fortunas imensuráveis.

 

Empreender o próprio sucesso é interessante porque você pouco depende dos outros e muito mais de si mesmo. Basta você querer e propor esse desafio para si mesmo. Essa é mensagem para pô-lo otimista, arregaçar as mangas e entrar em ação, afinal, “querer é poder!”.

 

Veja como eram as estruturas das “Big-Companies” de hoje, num passado não remoto...

 

 

[1] Ainda na Faculdade Uniesp (São Caetano do Sul, SP), estimulei a aluna (cito nominalmente) Carla, que era minha aluna no curso de Administração, com grande conhecimento Contábil, a mudar de curso para Ciências Contábeis. Ela o fez, passou no exame de suficiência do CRC e hoje é uma contadora proficiente.

[2] https://portaldoempreendedor.adm.br/registrar-mei-microempreendedor-individual

[3] Veja todos os tipos de “Estruturas de Mercado”, “Monopólio”, “Duopólio”, Monopsônio, etc, com exemplos, no livro do mesmo autor “Ser Líder. Pequena Bíblia do Líder”.

[4] Com ganhos de R$ 338,7 milhões ao longo de 2016, o craque português do Real Madrid supera Messi, o segundo da lista. Fonte: http://globoesporte.globo.com

 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Transmorgan
Bassani
Otica PetriU
Auditoria da Dívida Publica
Alquimia
Banner pedrão
BANNER APARTAMENTO
Cerâmica Zanoni
Rose Bueno Acessórios