Agua timol

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
CARNAVAL 2018: Os Amigos da Velha Gaúcha querem resgatar os bons tempos desta Festa Popular em São Miguel do Iguaçu
  Data/Hora: 4.fev.2018 - 19h 29 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Os Amigos da Velha Gaúcha há meses vem trabalhando nos bastidores com o objetivo de resgatar os velhos tempos do Carnaval em São Miguel do Iguaçu - época em que as famílias se reuniam, organizavam blocos e curtiam brincando e dançando as tradicionais marchinhas num clima de amizade, companheirismo e muita alegria.

 

“Amanhã à noite estaremos reunidos no centro para entrega de panfletos, escrever nos carros de quem aceitar, é claro – enfim, vamos estar realizando um trabalho de marketing para divulgar o evento”, me dizia ontem, Márcia Janete da Silva, uma das coordenadoras, empolgada com as adesões que estão surgindo das mais diferentes classes sociais.

  

Segundo Márcia, pelo menos dois blocos já confirmaram presença, neste evento que se realizará no Clube Itália Eventos (antigo Clube Panorama) nos dias 10 e 12 de fevereiro, com início às 23h00 e no dia 11, matinê, com início às 15h00. O preço do ingresso será de R$ 30,00 e antecipado ou para blocos com mais de 15 pessoas, R$ 25,00. O valor do ingresso para matinê será de R$ 10,00. A animação estará a cargo da Banda KGB.

 

Vale salientar que o Carnaval, esta festa popular que nos grandes centros do país é uma das alavancas que tem ajudado a impulsionar uma das maiores indústrias do mundo - o Turismo Universal - e motivo de alegria para milhares de foliões, já teve seus momentos de glória em São Miguel do Iguaçu.

 

Por muitos anos, essa festa popular fazia parte da agenda cultural do município. O esquenta da folia, iniciava-se com o tradicional carnaval de Rua, a escolha do Rei e da Rainha e a entrega da chave da cidade feita pelo prefeito e todo um acompanhamento por parte do Departamento de Cultura e Esportes ajudando a coordenar e organizar o evento.

 

Após a abertura do Carnaval de Rua, o evento se concentrava no Clube Panorama, hoje Itália Eventos, onde os blocos desfilavam e existia inclusive um Corpo de Jurado com a missão de escolher e premiar o Melhor Folião e Foliã, o Bloco Mais Animado e o Casal Mais Bem Caracterizado, dentro do tema proposto antecipadamente pela Organização.

 

O que houve? O que houve e por que tudo isto não existe mais, é uma longa história. O que importa no momento é darmos as mãos e somarmos esforços para que, principalmente a nossa juventude, possa se divertir com alegria e de forma sadia, sem precisar se deslocar para outros centros.

 

Parabéns aos organizadores. Em todos os setores, precisamos nos unir e voltar a crescer com urgência urgentíssima. As pessoas precisam voltar a sorrir e sentir o quando é importante esse clima de união e confraternização que aumenta a autoestima das pessoas.

 

O Carnaval, quando é tratado com organização e responsabilidade, é uma grande festa popular que pode se transformar numa alavanca poderosa para dinamizar uma das indústrias mais poderosas do mundo que não polui – apenas agrega valores, une os povos e gera emprego e renda – O TURISMO.

 

 Esse é um tema, que, aliás, merece uma reflexão muito mais profunda, tendo em vista que envolve hábitos e costumes e sempre em aqueles que não conseguem ver essa festa popular com o seu devido olhar cultural evolutivo.

 

 

 

 

 

 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner Patrick Sonorização
Auditoria da Dívida Publica
Rose Bueno Acessórios
Banner Carl Hart
Otica PetriU
Alquimia
Banner Marlene
banner vende apartamento II
Transmorgan
Banner pedrão