Banner Cema

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Empreendedores do Oeste podem participar de processo de incubação de empresas do PTI
  Data/Hora: 11.jun.2018 - 18h 52 - Categoria: Lindeiros  
 
 
clique para ampliar

Da Assessoria -  O ambiente adequado para o surgimento de novas empresas pode ser fundamental para o sucesso do empreendimento. Treinamentos, sequência de ações e cumprimento de metas leva ao desenvolvimento de habilidades primordiais para a consolidação empreendedora do que surge a partir de uma simples ideia. Essa é a oportunidade ofertada por três editais abertos pelo Programa de Desenvolvimento de Negócios da Incubadora Santos Dumont, do Parque Tecnológico Itaipu (PTI).

 

Interessados têm até o dia 24 de junho para submeter suas propostas pelas unidades de Foz do Iguaçu, no PTI, na Faculdade União das Américas (Uniamérica), e, na filial de Marechal Cândido Rondon, que funciona em parceria com a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação do Oeste do Paraná (Iguassu-IT).

 

Os candidatos devem atender a alguns pré-requisitos previstos no edital do programa como, por exemplo, ser maior de 18 anos e morador de um dos municípios da região Oeste do Paraná. Para participar, basta preencher um formulário com informações referentes ao empreendedor e a proposta, disponível no link: radar.pti.org.br/inscricao. As inscrições são gratuitas, o que é um incentivo a mais, segundo o gerente da Incubadora Santos Dumont, Pedro José Granja Sella.

 

Ideia  para empresa

“A iniciativa é uma ferramenta fundamental para quem, não tem dinheiro, ou, outro suporte para iniciar seu empreendimento, porém, tem uma ideia”, ressalta o presidente da Iguassu-IT, Roberto Carpes. As propostas que se enquadrarem às condições dos editais poderão participar da etapa de qualificação. Esta etapa contará com encontros presenciais semanais nas respectivas unidades de inscrição até o mês de setembro. Durante esses workshops, a viabilidade dos negócios será analisada por meio de orientações e validações, para depois serem apresentados a direcionamentos e aperfeiçoamentos sobre a gestão e execução.

 

Após essa fase, os empreendedores serão submetidos à avaliação de uma banca composta por investidores e especialistas de mercado, que acontece em outubro. As três melhores propostas de cada edital escolhidas pela banca serão convidadas para a incubação. Em novembro e dezembro, os projetos passam por uma etapa de planejamento, onde é estruturado um plano de negócio visando os próximos cinco anos das empresas, contando com o monitoramento dos analistas da Incubadora durante os três primeiros anos.

Com assessoria do PTI.

 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner Juvenal
Banner Carl Hart
Transmorgan
banner vende capeletti
Banner pedrão
Banner Marlene
Cerâmica Zanoni
Alquimia
Otica PetriU
Bassani