Banner jessica de jesus

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Educadores se mobilizam contra aumento da jornada de trabalho de pedagogos e punições a professores
  Data/Hora: 5.fev.2019 - 21h 19 - Categoria: Educação  
 
 
clique para ampliar

Ação em Foz do Iguaçu, nesta quarta-feira, 6,

integra a agenda estadual da categoria

 

Foto: Divlugação - Educadores de Foz do Iguaçu e região fazem encontro para fortalecer as ações contra o aumento da jornada de trabalho de pedagogos e as punições a professores da rede estadual. A mobilização é nesta quarta-feira, 6, às 8h30, na sede do Sismufi (Sindicato dos Servidores Municipais).

 

Os profissionais da educação pedem a alteração da Resolução nº 2/2019, da Secretaria de Estado da Educação (Seed), que institui a hora-relógio para a contagem da jornada de trabalho para pedagogos. A medida também atinge professores readaptados, aqueles que cumprem outra função na escola devido a problemas de saúde.

 

Desde a alteração da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), com a Lei Federal nº 11.301/2006, o cargo de pedagogo é equiparado ao de professor. O Plano de Carreira dos Professores do Paraná (Lei Complementar nº 103/2004) trata como cargo único o de professor e pedagogo, assegurando aos profissionais isonomia e os mesmos direitos.

 

Essa equiparação foi confirmada e reconhecida por legislações posteriores à LDB e instruções normativas da própria Seed e do Conselho Estadual de Educação do Paraná. Seguindo a determinação do Plano de Carreira dos Professores, que garantiu a jornada de trabalho de 20 horas-aula, em 2011 os pedagogos tiveram o seu direito respeitado e efetivado. 

 

Para a presidenta da APP-Sindicato/Foz, Cátia Castro, o que vem acontecendo desde 2017, ainda na gestão de Beto Richa, é um ataque à jornada de hora-aula de professores e pedagogos. “O governo passou a tratar a jornada, que era de hora-aula de 50 minutos, como jornada de hora-relógio de 60 minutos, impondo maior tempo de trabalho na escola, mantendo a mesma remuneração.”

 

Na mesma normativa – a Resolução nº 02/2019 –, o governo diminuiu dos professores duas horas-atividade para cada cargo de 20 horas. “Portanto é um ataque ao conjunto dos professores e pedagogos, uma vez que temos plano de carreira unificado”, afirma Cátia Castro.

 

Ataques à jornada de professores e pedagogos começou em 2017

 

A dirigente sindical detalha que o aumento da jornada de trabalho para professores e pedagogos e professores readaptados está na resolução de distribuição de aulas de 2019. “Ano passado, o governo Beto Richa já havia anunciado mudança da jornada dos pedagogos, mas recuou. Agora a gestão que acaba de assumir decidiu executar esse ataque”, expõe Cátia Castro.

 

A educadora enfatiza que essa medida punitiva traz grandes problemas não apenas aos professores e pedagogos, que serão obrigados a trabalhar mais recebendo o mesmo salário; a regra afeta também os diretores, funcionários, alunos e comunidade escolar. 

 

“A medida desrespeita e desorganiza o trabalho pedagógico nas escolas”, resume Cátia Castro. “Exemplo disso é que, para cumprir o que determina a resolução, o pedagogo não estará presente no mesmo horário de aula dos alunos, pois terá que sair mais cedo ou chegar mais tarde ao colégio, interrompendo o atendimento aos pais e alunos que procurarem a escola no horário de aula.”

 

Jornada de pedagogos e fim das punições a professores

Quarta-feira, 6 de fevereiro, às 8h30

Sismufi (Rua Tarobá, 249, centro – Foz do Iguaçu)

 

APP-Sindicato/Foz

(45) 3027-1893 | fozdoiguacu@app.com.br

(45) 99829-3328 | Cátia Castro (presidenta)

 

Visite-nos: www.appfoz.com.br

 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner Jorge amado
Banner Bertold Brecher
Banner Notre Dame
Banner guilherme almeida
Otica PetriU
Banner conar
Banner fotógrafo premiado
Banner Bolsonaro
Banner Psicologia
Banner o fascismo