Vende-se apartamento no centro

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Silva e Luna encontra prefeito de Foz do Iguaçu e defende ampliação de parcerias com município
  Data/Hora: 4.jun.2019 - 19h 5 - Categoria: Itaipu Binacional  
 
 
clique para ampliar

Foi o segundo encontro oficial entre Chico Brasileiro e o diretor-geral brasileiro de Itaipu. “Queremos investir em projetos estruturantes e que vão ficar como legado para a cidade”, disse Silva e Luna.

 

Da Assessoria - Fotos: Alexandre Marchetti / Itaipu Binacional - O diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, general Joaquim Silva e Luna, e o prefeito de Foz do Iguaçu (PR), Chico Brasileiro, encontraram-se na tarde desta terça-feira (4), na prefeitura, para avaliar os principais projetos desenvolvidos entre a usina e o município e discutir estratégias para ampliar as parcerias.

 

O encontro, no gabinete de Chico Brasileiro, também foi uma retribuição à visita que o prefeito fez ao general há dois meses, no dia 4 de abril. Acompanharam a reunião o secretário de Planejamento do município, Elsidio Cavalcante, e o chefe de Gabinete do diretor de Itaipu, coronel Ricardo Bezerra.

 

“Temos um ótimo relacionamento com o prefeito e uma parceria muito forte com o município de Foz do Iguaçu”, declarou o general, que nesta quarta-feira (6) completa cem dias à frente da binacional. Queremos aprimorar essa parceria, investindo em projetos que são estruturantes e que vão ficar como legado para a cidade”, completou, citando iniciativas em áreas como infraestrutura, mobilidade urbana, turismo e saúde.

 

"Foz do Iguaçu precisa muito dessa união de esforços, dessa afinidade, desse trabalho conjunto para que a gente possa prospectar a cidade do futuro que nós buscamos. E Itaipu é imprescindível nesse processo", avaliou o prefeito.

 

Na ocasião, Chico Brasileiro também apresentou ao general o projeto do novo porto seco, do Parque Foz Monjolo, do Parque Municipal da Vila A, da duplicação da Avenida das Cataratas, da malha cicloviária municipal, entre outros.

 

O diretor-geral brasileiro de Itaipu informou que a empresa está aberta a novas propostas, desde que os projetos tenham conexão com a missão empresarial de Itaipu e atendam às diretrizes da política de austeridade do governo federal, respeitando os princípios constitucionais de legalidade, publicidade, eficiência, moralidade e impessoalidade. Outra condição é não impactar na tarifa de energia.

 

“Temos buscado ampliar essas parcerias, enxergando a Tríplice Fronteira, envolvendo órgãos do governo federal, pela importância que tem Itaipu para o Brasil”, enfatizou o general. “Percebemos que temos pensamentos e ideias comuns. Vai ser muito fácil avançar para além das promessas, entregando resultados concretos.”

 

Projetos em andamento

Silva e Luna citou como exemplo a construção da segunda ponte que vai ligar Brasil ao Paraguai, entre os municípios de Foz do Iguaçu e Presidente Franco. A obra, que conta com recursos de Itaipu, já é considerada um marco para o desenvolvimento da região e vai gerar 400 empregos diretos.

 

O investimento de R$ 448,6 milhões inclui a construção de uma perimetral que irá direcionar o tráfego da nova ponte e também da Ponte Internacional Tancredo Neves, que liga o Brasil e a Argentina, para a BR-277, reduzindo fluxo de caminhões pesados nas principais avenidas da cidade.

 

Outra iniciativa de Itaipu citada pelo diretor-geral no encontro é o investimento de R$ 64,5 milhões em um plano de expansão e ampliação do Hospital Ministro Costa Cavalcanti (HMCC), um dos mais importantes para a população de Foz do Iguaçu e região. Os recursos serão investidos nos próximos três anos, gerando empregos e movimentando a economia.

 

Também estão em andamento as obras do Mercado Municipal na área da antiga Cobal, na Vila A – parceria entre Itaipu, prefeitura e Parque Tecnológico Itaipu (PTI). O projeto prevê a instalação de 70 boxes para atender cerca de 50 empreendimentos – como hortifrutigranjeiros, açougue, peixaria, laticínios e frios, bebidas, mercearia, quiosques e restaurante. A previsão é que o mercado seja inaugurado ainda no primeiro semestre de 2020.

 

Os investimentos de Itaipu no município incluem uma série de projetos de mobilidade e revitalização urbana, como ciclovias, calçamentos, sinalização e iluminação em diferentes trechos da Vila A e outras regiões da cidade. “São obras que melhoram a qualidade de vida do cidadão”, pontuou o general.

 

Silva e Luna é o primeiro diretor-geral brasileiro de Itaipu a fixar residência em Foz do Iguaçu, onde está o centro de comando da usina, e orientou toda a diretoria a fazer o mesmo. O diretor-geral também determinou um processo de transferência dos empregados lotados no escritório de Curitiba para a Foz do Iguaçu, como parte da política de austeridade e otimização de recursos da atual gestão.

 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner as cidades tem alma
Banner Jorge amado
Banner Psicologia
banner vende apartamento II
Banner pedrão 2018
Banner Teia da operação
banner idiota útil
Banner violência se limite
Banner Bolsonaro
Banner militares