Vende-se apartamento no centro

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
SISFRON e PTI-BR trabalham parceria para reforçar o monitoramento na região de fronteira
  Data/Hora: 12.mar.2020 - 11h 10 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Próxima fase do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (Sisfron) pode ter apoio do PTI a partir de novas parcerias
 

Da Assessoria - Fotos: Gabriel Olivo Lovi/PTI - A vigilância na região da fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina vai receber o reforço do Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras (Sisfron), projeto estratégico do Exército Brasileiro. O Parque Tecnológico Itaipu (PTI-BR) vai dar apoio a essa implementação disponibilizando tecnologias para a iniciativa.


Uma comitiva do Sisfron esteve no Parque Tecnológico na manhã desta quarta-feira, 11, para conhecer algumas ações da instituição e analisar a viabilidade de parcerias. O diretor superintendente do Parque Tecnológico, General Eduardo Garrido, que participou da concepção do Sisfron, à época, avalia que o PTI pode contribuir com o avanço do projeto e auxiliar no combate aos crimes nas regiões de fronteira.



O Sisfron já foi validado por seu projeto piloto na área de fronteira entre Brasil, Bolívia e Paraguai, no Mato Grosso do Sul, e passa agora para as fases seguintes de implementação, uma das quais contempla os estados do Paraná e Santa Catarina. Com sensores de vigilância, de observação e de inteligência de dados, o sistema objetiva auxiliar a tomada de decisão e, a partir da integração com os órgãos de segurança, aumentar a vigilância nas fronteiras.



O gerente do Sisfron, general Sérgio Luiz Goulart Duarte, disse que, nesta fase em que chega ao Paraná, o projeto busca novas soluções tecnológicas para o monitoramento na fronteira e, por isso, a visita ao Parque Tecnológico. “É a segunda vez que venho aqui e visualizo uma parceria muito fértil entre o Sisfron e o Parque Tecnológico”, destacou.



Segundo Duarte, uma das temáticas em que o Parque Tecnológico atua e que despertou o interesse do Sisfron é a área de Energia, em que existem projetos como, na área de armazenamento, com o uso de baterias de níquel-sódio, e pesquisas e desenvolvimentos com o hidrogênio e o biogás como fontes de energia.



Á época em que o Sisfron estava sendo estruturado, o diretor superintendente do PTI chefiava a Assessoria Especial de Orçamento e Finanças do Exército Brasileiro e colaborou para a alocação de recursos ao projeto. À frente do Parque Tecnológico desde julho de 2019, visualiza hoje as competências que a instituição possui para auxiliar a continuidade de implantação do Sisfron.



“É muito gratificante ver algo em que colocamos um tijolinho na construção e, agora, quando o projeto passa por uma fase de maior envergadura na sua implantação, podermos nos colocar como Parque Tecnológico para disponibilizar tecnologias, de tal modo que o projeto avance e proporcione à sociedade melhores condições para o combate aos delitos transfronteiriços”, pontuou Garrido.



Entre as ações apresentadas à comitiva na visita desta quarta-feira, estão o Laboratório Vivo de Cidades Inteligentes, que reúne tecnologias como iluminação inteligente, monitoramento por drones e de dados de estações climáticas e o Centro de Estudos Avançados em Proteção de Estruturas Estratégicas (Ceape²), fruto de uma parceria com o Exército Brasileiro, estabelecida em 2015, na área de segurança cibernética.

Fotos: Gabriel Olivo Lovi/PTI.

 

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Calendário eleitoral
Bassani
Banner laranja
Banner violência se limite
Banner Lei Lucas
Banner conar
Otica PetriU
banner vende apartamento II
banner março 2020
Banner pedrão 2018