Uniguaçu 2020

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Atividade econômica parada? É hora de ser Inventivo, de novos Insights
  Data/Hora: 13.abr.2020 - 19h 23 - Colunista: Inácio Dantas  
 
 
clique para ampliar

1.Inventividade: que novidades você tem em mente?

Pode caber na mão, ou não caber no olhar; pode ser simples, ou sofisticado; pode ter preço ínfimo, ou alto valor agregado. Não importa, para tudo que há oferta há demanda, ligar os dois polos é o “mapa da mina”. Seja, então, o próximo a ter o nome inscrito na lista do Instituto de Marcas e Patentes. E por que não?

 

Pare por um minuto. Concentre-se nesse texto. A garantia de dias sossegados, de “paz, sombra e água fresca”, pode não estar no hoje, mas no amanhã. O presente é de trabalho, o futuro de bonança.

 

A massa populacional cresce, diversifica hábitos e costumes, enriquece. Com isso, novas necessidades são incorporadas à vida humana. Nessa perspectiva cria-se uma lacuna abissal entre produção e consumo de bens e serviços. Ao comparar as neo-necessidades humanas imediatas, e o que existe disponível para satisfazê-las, é aí que está o ouro em estado puro. Quando se pensa que já inventaram tudo, vemos novas coisas surgirem e aí refletimos “por que eu não pensei nisso antes?”...

 

Em termos de inventividade, há coisas que são trampolins para a produção e comercialização de outras coisas. Por exemplo, inventar um bem que, ao ser usado possa ter incorporado outros pequenos bens. Essa é uma tese do economista Jean Baptiste Say: “a oferta de um produto cria demanda por outros produtos”. Assim, compra-se um carro e logo compra-se rodas especiais, som, DVD, e uma séria de itens adicionais.

 

Creia, “zilhões” de reais podem transitar velozmente nessa via de infinitas mãos, ampla e larga em direção ao enriquecimento. Há muitas invenções que podem sair do seu crânio e aterrissar nas linhas produtivas das indústrias, remunerando-o exemplarmente.

 

Quantas conquistas podem-se amealhar, sejam no campo esportivo, artístico, empresarial etc, com uma boa dose de inventividade! Liderar o sucesso começa-se do começo. Vamos lá, mantenha a mente “pensante”, em busca do novo, do inédito.

>> 

2.Insight genial, você ainda vai ter um.

Farol de viva luz, candente foguear dos raios do sol, rico minério a vicejar à flor da terra... Insights são assim, riquezas da inteligência humana adormecidos, que, num despertar repentino verte-se do etéreo em sólida e exuberante riqueza material!

 

Nos momentos de ócio, quando você está semidesperto e em semirrepouso, é quando o cérebro flana em brancas nuvens, tranquilo, os pensamentos fluem, a verve desperta e os insights borbulham. Aí, as inspirações brotam prolíficas como sementes em terra fértil. É quando tomam formas um novo poema, música, obra de arte, a solução de um problema intrincado, a criação de algo inédito, um projeto para aquisição de um carro novo, um apartamento, uma realização amorosa...

 

Quando os insights vêm, têm de ser, no ato, capturados e registrados. Se viáveis, devem receber refinamento, melhoria na forma, no design, no conteúdo... Insight é como onda no mar, tem energia, forma, cor, poder, beleza... E, assim como a onda, vem e vai sem deixar sinais e jamais tem dois iguais, como uma dupla impressão ou xérox.

 

Permita seu cérebro trabalhar a seu favor, isso não é ser exigente consigo mesmo. Cérebro descansado é um manancial de boas novas, capaz de insights que o farão admirar-se do próprio cabedal, de ideários que você tem e estão camuflados nas infinitas prateleiras no sótão da mente.

 

Antecipe-se aos insights que estão na “moda”, pululando aí afora, os quais você pode ser o escultor, dando-lhes forma e vida. Não deixe para outro o sucesso que pode ser seu.

 

Liderar o próprio sucesso é uma empreitada laboriosa, demorada, difícil, mas que ao final lhe propicia ganhos excepcionais e dias maravilhosos. Ou, talvez, você vai encaixotar as ideias e deixá-las para sempre empoeirando nos armários do crânio?

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner conar
Banner Mirante
Banner Einstein
Banner itaipulândia julho
Banner pedrão 2018
Bassani
Banner Lei Lucas
Banner Notre Dame
Banner laranja
banner itaipulândia julho II