banner coronavírus março

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
POESIA: Da série, os Milagres da Criação - mais de 2000 anos e tudo parece tão atual...
  Data/Hora: 22.ago.2021 - 5h 23 - Colunista: João Maria  
 
 
clique para ampliar

Foto ilustrativa – Divulgação / Internet

 

 

Jesus! Eu disse a

Eles que a obra iniciada,

Seria promovida de

Uma outra dimensão e

Sempre estaria com eles.

 

 

Conheceriam e sentiriam a

Recordação através da

Inspiração e isso os consolariam.

Sabia que havia dito

Tudo o que podia dizer sobre

O Conhecimento e me retirei.

 

 

Profundo, muito profundo isso, Mestre! Estais nos falando dos últimos momentos em que passaste entre nós, quando após a ceia, repartiu o pão e pediu que todos tomassem na Sua taça um gole de vinho. E logo em seguida, saíram andando até o Monte das Oliveiras. É isso?

 

- “Sim! Mesmo profundamente decepcionado e machucado pelas reações egoístas dos meus discípulos, tendo em vista que todos eles estavam preocupados unicamente com eles próprios sobre o que poderiam lhes acontecer depois da minha crucificação”.

 

- “Disse a eles que seria crucificado e não ouvi nem uma palavra de conforto vindo deles. Estavam preocupados unicamente com eles mesmos. Não reagiram e nem tentaram impedir de alguma forma o que eu disse que aconteceria. Mesmo assim, compreendi-os e procurei dar a eles coragem para enfrentar o futuro e assegurei que sempre estaria com eles, mesmo quando estivesse fora de suas vidas”.

 

- “A obra que eu tinha começado seria promovida desde o além. Não os deixaria sozinhos. Conheceriam e sentiriam minha presença e isso os consolaria”.

 

- “Disse que se agarrassem à recordação do tempo em que eu tinha estado com eles. Alertei que haveria muitos que continuariam o Caminho com o Conhecimento que eu havia dado, mas que estranhos buscariam acrescentar a voz da tradição e da razão aos meus ensinamentos”.

 

- “Minhas palavras seriam tão distorcidas que, finalmente, já não revelariam a Verdade original que eu havia trazido ao mundo”.

 

- “Senti que havia dito tudo o que eu tinha querido dizer enquanto estava na Terra e que meu discurso aos homens havia sido cumprido. Tudo o que eu mais profundamente desejava era retirar-me ao silêncio e encontrar paz e conforto em meu contato com o “Pai”.

 

Profundo..., muito profundo isso, Mestre! Tudo parece tão atual. Uma verdadeira legião, continuam usando o seu Santo Nome em vão, dizendo: “conhecereis a verdade e a verdade os libertará...”, e, no entanto, trocaram os livros por armas; continuam usando e abusando da Mãe Natureza para concentrar rendas...

 

Nem vou lhe perguntar, Mestre - quando é que isso vai mudar..., por que sei que irás me responder: Calma, o mundo está evoluindo e muitas vezes para enxergarmos a Luz, precisamos passar pela escuridão existencial... Obrigado, Mestre! Seu verbo foi, é e sempre será Luz, Fonte de Inspiração...

   

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Rose Bueno Acessórios
Banner violência se limite
Banner Einstein
Banner Mirante
Banner emprego
Banner pedrão 2018
Bassani