banner dengue SMI

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Guerra na Ucrânia. Juristas admitem possibilidade de crime de genocídio
  Data/Hora: 5.abr.2022 - 6h 49 - Colunista: João Maria  
 
 
clique para ampliar

Imagens - Correio Braziliense - Antigos juristas do Tribunal Penal Internacional não têm dúvidas de que o massacre em Bucha deve ter uma ampla investigação com recolhimentos de provas, pois o que se vê ali é a configuração de vários crimes de guerra.

 

Ao ver essas imagens e o relato da população envolvida nesse conflito, temos que dar ainda mais razão a Monteiro Lobato quando nos disse que: “o homem é uma doença da Natureza – e a pior de todas porque é uma doença inteligente. Teima em superpor à natureza a sua vontade e é, cada vez mais, um conflito lamentável de duas evoluções contrárias, a natural e a humana”Segundo o presidente Zelensky da Ucrânia, só em bucha foram encontrados mais de 400 corpos de civis que, segundo ele, foram massacrados. 

 

Na conferência de imprensa promovida pelo representante da Rússia nas Nações Unidas, o embaixador russo na ONU deixou críticas ao Conselho de Segurança e mostrou fotografias e vídeos de redes sociais para garantir que não foram os russos a matar os civis. “A Rússia não é responsável pelo que aconteceu em Bucha”.

 

 

Em entrevista, ontem (04), Dia Internacional de Sensibilização para o perigo das Minas, o secretário-geral das Nações Unidas, Antônio Guterres, disse que serão necessárias “décadas” para remover todas as munições não detonadas (minas terrestres e bombas de fragmentação) de apenas um mês de guerra na Ucrânia.

 

“Essas minas e explosivos colocados na Ucrânia irão ameaçar a vida da população por muito tempo depois das armas”, disse ele.

 

O fato é que, as imagens chocam e uma grande investigação, ampla e irrestrita deve ser feita com todo o rigor. O crime de genocídio, extermínio deliberado, parcial ou total, de uma comunidade, grupo étnico, racial ou religioso, a exemplo do que houve contra os judeus na Segunda Guerra Mundial, é algo que deve ser repudiado pela Comunidade Internacional.

 

Para o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Souza, o que aconteceu em Bucha, na Ucrânia – “deve ser repudiado, pois representa um atentado aos Direitos Humanos e um “massacre chocante”.

 

O fato é que, “algo insano e desumano” aconteceu ali, com relatos de estupros e execuções, onde existem provas deixadas deliberadamente para mostrar ao mundo que por ali passou alguém que não tem nenhum apreço pelos seres humanos e que, querem serem julgados por crime de guerras.

 

É algo que choca e se faz necessário que todos os esforços sejam feitos com urgência, urgentíssima para recolher provas, identificar as pessoas que ali foram massacradas, inclusive exigir da própria Rússia, que identifique os comandantes que atuaram naquela região.

 

Uma série de perguntas precisam ser respondidas com urgência, urgentíssima. E uma delas sem dúvida é: – por que o Exército Russo iria produzir um massacre como esse e ainda deixar as provas expostas a luz do dia para serem usadas contra eles num Tribunal Internacional?

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner emprego
Bassani
Banner pedrão 2018
Banner Einstein
Banner Mirante
Rose Bueno Acessórios
Banner violência se limite