banner dengue SMI

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
LÁ EM CASA TINHA BRISA
  Data/Hora: 9.mai.2022 - 6h 7 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Por Juarez Alvarenga

 

         As transformações existenciais nos submetem a novos questionamentos.

         Seus ciclos são diferenciados. Buscar a imutabilidade do sucesso como a transformação do fracasso em êxito é nossa tática vivencial.

         Éramos uma família suburbana que tínhamos sonhos quilométricos da realidade. Porém acreditamos que a distância quase infinita nos tira do enquadramento cotidiano e nos leva a vitória.

 

         HOJE COM OS SONHOS ASSENTADOS NO CHÃO COMPREENDEMOS QUE ESTE ÊXITO SÓ FOI POSSÍVEL PORQUE APRENDEMOS DESVIAR DOS CAÇADORES PROFISSIONAIS. E este balé no espaço não foi ileso. Driblamos com sutilezas alguns tiros e fomos atingidos em outros, mas fatal nenhum. Por acharmos que nossa história só termina com a morte. Buscar recursos para nossos sangramentos foi a providência imediata. Mobilizar depois de um sonho morto é ressuscitar vigorosamente para a dinâmica vivencial. Nela não há estagnação. Sua mobilidade é acelerada. Basta acionar nossa vontade que tudo é capaz de transformar. Dos sonhos suburbanos a cosmopolita escola de economia de Harvard. Hoje não temo qualquer economista que tem o privilégio de estudar em Harvard apesar de morar na provinciana Coqueiral. E esta conquista nasceu de meus sonhos suburbanos.

 

         Acreditar que nada nasce pronto. O primeiro passo é sempre curto e continuar andando só depende se não cansarmos do asfalto quente da realidade que tenta esfriar a ousadia de nossos sonhos. Sei que a chegada é triunfante mas o marco inicial é de descrédito total. Se submetermos aos pessimistas ficaremos estáticos e presos à realidade que nos imobiliza.

 

         Antes buscar os sonhos distantes com o primeiro passo do que quebrar nossas pernas submetendo aos fatos reais. Ser vaiados no início nos vigora para prosseguirmos e ser aplaudidos ao final.

 

         Lembro com saudade quando só existia brisa em nossas vidas. Era uma família light e feliz. Mas isto não nos imobilizou. Foi aprendendo caminhar sobre nuvens carregadas que conseguimos diluir sua negritude. Se temêssemos essas nuvens a vida hoje não teria as cores do arco-íris. E os sonhos teriam ficado nas estradas.

 

 

 

JUAREZ  ALVARENGA

ADVOGADO E ESCRITOR

R: ANTÔNIO  B. FIGUEIREDO, 29

COQUEIRAL     MG

CEP: 37235 000

FONE: 35 91643890

E MAIL: juarezlalvarenga@ig.com.br

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Bassani
Banner Mirante
Banner pedrão 2018
Banner violência se limite
Banner Einstein
Banner emprego
Rose Bueno Acessórios