banner dengue dezembro

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Cultura
João Maria
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
A lei da vida e do amor - Uma bela refeição
  Data/Hora: 15.fev.2024 - 9h 2 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Por Paulo Hayashi Jr. - Doutor em Administração. Professor e pesquisador da Unicamp.

 

Jesus é o grande exemplo e guia para o desenvolvimento da humanidade. Sua passagem pela terra foi uma lição poética sobre a vida e suas oportunidades de fazer o bem e desejar o amor a todos, mesmo para aqueles que ainda dormem o sono da ignorância ou da lentidão. O mestre deixou profundas lições na humanidade a ponto de dividi-la em antes e depois dele. Sua trajetória de paz nasceu em uma pequena vila de cerca de 200 moradores, mas é excelsa sua maneira de ver e encarar Deus e também, o presente da vida.

 

A existência como oportunidade da aprendizagem do amor e das luzes internas que pavimentam a ascensão do ser até as estrelas; a volta para a pátria espiritual. Ademais, a matéria é simples coadjuvante e não ator principal na movimentação humana. Os legítimos tesouros, aqueles que perduram pela ampulheta do tempo, são de substância sutil como a inteligência, o conhecimento e o amor. São essas as asas que darão liberdade ao espírito humano. De ter a responsabilidade e a maturidade em vida para que se respeite as diretrizes de Deus, em especial com o auspício da lei da afinidade e da ação e reação. Pagar com o bem implica em retornar com a generosidade e o mesmo vale para o mau. A moeda que se paga ou dá o troco é o que se recebe de volta. Entretanto, o mestre Nazareno ensinou algo além da lei de Talião, a lei do amor. Esta é o florescimento do livre arbítrio e do progresso interior. Amar, perdoar, agradecer a vida e suas oportunidades é seguir a Jesus rumo à grandiosidade no caminho de Deus.

 

 Uma bela refeição

 

A beleza é algo que ultrapassa os sentidos e adentra nas sutilezas da consciência em torno de algo superior. É o caminho que auxilia na pavimentação da bondade espontânea e do reencontro com o Pai criador. Por meio da beleza se ultrapassa as meras aparências da matéria para se chegar na alegria do espírito e na veiculação da verdade maior. É dissolver o ego no cosmos e permitir a renovação interior. Por meio da reforma íntima, o indivíduo busca sua perfectibilidade, de A a Z, sem pular nenhuma etapa. 

 

Todavia, é essencial que as energias sejam renovadas, assim como a confiança, o ânimo, a esperança. É a refeição espiritual, pois como observa Jesus: "Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que procede da boca de Deus" (Mat, 4:4). Bem dizer alguém, aquela palavra de conforto nas horas difíceis, o gesto de um olhar que pacifica o outro. Além disso, há também a oração que configura esta conexão com Deus. Ter o hábito de rezar todos os dias significa investir em sua felicidade, pois essa não é algo fácil e que vem sem trabalho. É essencial investir tempo e energia, sendo a oração um dos tônicos que alavancam o ser para sua plenitude.

 

Quem ora está em paz consigo mesmo, bem como com as ideias organizadas, ou pelo menos em sua construção. Há foco no trabalho e na ação cotidiana, sem dispersão. A pessoa se sente também motivada e com confiança de que tudo dará certo. A oração tranquiliza os aflitos e impõe uma calma que possibilita equilibrar o mundo. É então, a oração, a bela refeição. Que tal orarmos hoje sem medo e sem vacilo para que o dia seja maravilhoso?

 

 

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner violência se limite
Bassani
Banner emprego
Banner Einstein
Banner Mirante
Banner pedrão 2018
Rose Bueno Acessórios