Banner dengue 2021

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
REGISTRO: Um belo exemplo de dedicação ao TRABALHO e AMOR A VIDA...
  Data/Hora: 14.mai.2014 - 7h 17 - Colunista: João Maria  
 
 
clique para ampliar

O título acima, bem como o assunto desta reportagem, nos foi sugerido pelo Célio Barbiero – para quem não o conhece, Célio é vendedor autônomo e um autêntico semeador – evangélico de carteirinha, que faz questão de viver o que prega, sem ser enjoativo, sem querer impor o seu ponto de vista, - mas, sempre firme no que acredita e resolveu escolher como o seu projeto de vida...

 

No dia a dia ele vende na região produtos natural – e o mais importante, sempre acompanhados de um pequeno panfleto com mensagens ressaltando a importância da palavra de Jesus... Na última visita que nos fez, relatou com alegria e entusiasmo o encontro que teve com o seu Magiorino Natal Galeazzi – nos dizia ele: “Você tem que ver a disposição desse senhor, com 81 anos de idade, gozando de todas as suas faculdades mentais e trabalhando como se fosse um jovem de 18 anos. Eu gostaria muito que você fosse lá e fizesse uma matéria com ele – um exemplo para muitos dos nossos jovens”.

 

E, a seu pedido, ontem estive visitando o seu Magiorino, que está apenas de passagem por São Miguel do Iguaçu. E num bate papo rápido – ele realmente impressiona pela sua lucidez, alegria e entusiasmo com que relata momentos de sua vida, enquanto trabalhava pacientemente na oficina eletrônica do seu irmão – o seu Ferdinando, localizada no Parque Industrial.

 

“Estou de férias visitando o meu irmão – e desde muito jovem sempre gostei de consertar aparelhos eletrônicos – e estou aqui ajudando-o, mas em seguida devo retornar para Tangará da Serra no Mato Grosso, onde resido atualmente”, nos disse ele.

 

E como se estivesse ligado a uma tomada de 220volts – e com uma incrível alegria no olhar, já nos foi contando como começou na profissão e uma infinidade de dados de sua vida pessoal. “Sou natural de Passo Fundo – RS., e o que sei sobre eletrônica, aprendi num curso de Correspondência, através do Instituto Monitor, na época em que servia o exército”, que segundo ele, serviu o exército por cinco anos e ficou conhecido junto ao 1º Esquadrão da 20º RC, como Cabo Armeiro.

 

Seu Ferdinando, juntamente com o seu irmão mais velho...

 

“Eu sou o mais velho de uma família de sete irmãos – tenho 12 filhos legítimos e um adotado. Minha primeira esposa, Vilma Testa Galeazzi, com quem tive nove filhos, morreu aos 64 anos de idade. Com a segunda esposa, tive um filho e ela morreu aos 49 anos de idade. Com a terceira esposa (29 anos de idade), com quem me separei a dois anos, tive dois filhos.

 

Sobre os seus hábitos, nos disse que não fuma, dorme cedo e levanta por volta das 05h00 da manhã todos os dias para tomar um gostoso chimarrão. “Ao meio dia e a noite no jantar, tenho por hábito tomar uma taça de vinho e bebo uma cervejinha socialmente”, garante ele.

 

Está feito o registro Célio...

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner violência se limite
Bassani
Banner pedrão 2018
Banner Einstein
Banner emprego
Rose Bueno Acessórios
Banner Mirante