Banner Primeiro Conart

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Epístola aos Efésios
  Data/Hora: 31.jul.2019 - 8h 17 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar
Os teólogos, ao analisar estes escritos de São Paulo, ficam em dúvida sobre ser realmente uma carta. Isso fica claro se forem retirados o começo (1,1-2) e o fim de Efésios (6,21-24), considerados por muitos estudiosos como acréscimos posteriores, o texto apresenta poucas características de carta. Assemelha-se mais a um discurso, sermão ou homilia.
 
De fato, o texto é composto, entre outras coisas, de hinos (1,3-14; 1,20-23; 2,14-18), doxologia (3,20-21) e orações de ação de graças e súplicas (1,15- 19) e pedidos (3,14-19). Alguns estudiosos afirmam estarmos diante de uma liturgia. Essas peculiaridades aproximam o texto de Efésios a outros textos do Novo Testamento considerados homilia ou sermões, como é o caso de Hebreus.
 
O segundo ponto, a saber, é se foi escrita aos Efésios mesmo. A maioria das Bíblias traz em 1,1 a palavra Éfeso, mas alguns manuscritos antigos desse texto, considerados importantes, não têm a expressão “que estão em Éfeso” ou “que moram em Éfeso”. O texto original de 1,1 deveria ser então assim: “Paulo apóstolo do Cristo Jesus, pela vontade de Deus, aos santos e fiéis ao Cristo Jesus: graça e paz à vós da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo”.
 
Pois bem, no lugar em que se encontra hoje a expressão que estão em Éfeso, ou que moram em Éfeso, deveria ter um espaço para que aí fosse inserido o nome de alguma comunidade cristã da Ásia Menor, por exemplo, Laodicéia (Cl 4,16), ou outra qualquer, como Pérgamo, etc.
 
A partir disso, muitos estudiosos afirmam que a carta aos Efésios teria sido um texto circular, uma espécie de “carta aberta” às comunidades daquela região, inserindo-se no espaço em branco de 1,1 o nome da respectiva comunidade.
 
Outra dificuldade é determinar onde e quando foi escrita. Sabemos que Paulo, com raras exceções, costumava ditar suas cartas, mas a data certamente deve situar-se após sua morte (calcula-se que tenha sido decapitado no ano de 68). A comunidade de Efésios teria sido criada nos anos em que surgiram as obra de Mateus e Lucas (Evangelho e Atos). Uma provável data seria na década de 80.
 
Sabe-se hoje que Lucas, nos Atos dos Apóstolos, entre outros objetivos, tinha o de resgatar a imagem e as obras de Paulo (evangelização, fundação de comunidades etc), contestadas por grupos cristãos conservadores ligados sobretudo a Tiago e à Igreja de Jerusalém. Estaria a assim chamada carta aos Efésios fazendo parte desse plano resgatador da vida e das tribulações de Paulo. Alguém, ligado às tradições e ensinamentos deixados por esse campeão da fé e da evangelização na metade do século I, usa o nome de Paulo apóstolo (1,1) e prisioneiro (3,1; 4,1) para, entre outras coisas, não permitir que tanto esforço e sacrifício terminassem em nada. Na carta, Paulo é apresentado como ministro do Evangelho (3,7) que, por causa disso, enfrenta tribulações (3,13). Nesse caso, pouco importa saber o lugar de onde Efésios foi escrita.
 
A maioria dos estudiosos, contudo, sabendo dos planos de Lucas em Atos, é da opinião que Lucas omite uma prisão de Paulo em Éfeso. Vamos ver isso de perto. Durante a terceira viagem missionária (anos 53 a 57) descrita em Atos (18,22-21,16), Paulo deteve-se por quase três anos em Éfeso (19,8.19; 20,31). Por quê? Talvez por motivos estratégicos de evangelização e também por motivos de força maior, como uma eventual prisão.
 
Mario Eugenio Saturno (cientecfan.blogspot.com) é Tecnologista Sênior do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e congregado mariano.
 
     
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner Teia da operação
Banner Psicologia
Banner violência se limite
Banner outubro rosa
Banner a dieta perfeita
Banner Bolsonaro
Banner Mães Fortes
Banner guilherme almeida
Bassani
Rose Bueno Acessórios