Banner Primeiro Conart

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Novembro azul é todo dia: fique ligado sobre o câncer de próstata!
  Data/Hora: 3.nov.2020 - 15h 12 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Por Camila Agner Corazza, 

 

Para conscientizar população sobre os benefícios do diagnóstico precoce da doença, CEONC lança campanha para o mês de novembro


Fortes, poderosos, invencíveis e inatingíveis... Muitos homens se sentem dessa forma e, por isso, acreditam que nunca serão acometidos por uma doença grave como o câncer de próstata. As estatísticas, no entanto, indicam o contrário: apesar de se sentirem quase-heróis, dados do INCA (Instituto Nacional do Câncer), estimam o diagnóstico de mais de 65 mil novos casos do câncer mais comum entre os homens – excluindo-se o câncer de pele não melanoma.



Diante das expectativas preocupantes, o CEONC Hospital do Câncer lança a campanha Novembro Azul é todo dia, reforçando a ideia da campanha mundialmente conhecida, mas destacando que a prevenção deve ocorrer a todo instante.



“Pesquisas comprovam que, em comparação com as mulheres, os homens procuram menos os médicos e, por isso, as doenças são diagnosticadas de forma mais tardia, o que pode comprometer o tratamento. Por isso, vamos trabalhar de forma intensa para conscientizar a população sobre a importância de realizar exames preventivos e de estar em dia com os check-ups anuais”, introduz o médico oncologista do CEONC, doutor Reno Paulo Kunz.



Sobre o câncer de próstata
O câncer de próstata é uma doença que acomete a próstata, uma glândula que só o homem possui e fica localizada na parte baixa do abdômen. Pequena, com forma similar a de uma maçã, fica abaixo da bexiga e a frente da parte final do intestino grosso.



Responsável pela produção de parte do sêmen, a próstata não indica sinais claros do câncer quando a doença ainda está nas fases iniciais. Por isso, muitos homens não apresentam sintomas e, quando apresentam, são semelhantes a uma infecção urinária, por exemplo.



“Na fase mais avançada, o câncer de próstata pode provocar dor intensa nos ossos e, em casos mais graves, pode até gerar insuficiência renal ou infecção generalizada. Por conta disso, é tão importante realizar o diagnóstico precoce da doença, evitando complicações que podem comprometer não só a vida sexual do paciente, como também a saúde no geral”, complementa o médico.



Para o diagnóstico, portanto, as autoridades de saúde recomendam a realização anual de exames preventivos para homens a partir dos 50 anos, idade considerada de risco para o surgimento da doença. Nesse sentido, os pacientes podem ser submetidos ao exame de toque e à análise do PSA. No primeiro caso, considerando que a glândula fica em frente ao reto, o médico palpa a próstata e consegue perceber se há nódulos ou tecidos endurecidos. No segundo caso, é retirada uma quantidade de sangue que, ao ser analisada em laboratório, indica a quantidade do antígeno prostático específico. A indicação de qual tipo de exame depende de avaliação médica. Caso haja confirmação do câncer de próstata, o tratamento pode envolver radioterapia, cirurgia, quimioterapia ou terapia hormonal, a depender do caso de cada paciente.



“No cenário ideal, conseguiríamos tratar quase todos os casos de forma menos invasiva em menos tempo e com mais efetividade. Mas isso depende da conscientização dos homens, que devem deixar de lado os tabus e constrangimentos para fazer os exames indicados e, caso estejam doentes, tenham a chance do diagnóstico precoce, que pode aumentar em até 90% as chances de cura”, reforça doutor Reno.



Para isso, o CEONC disponibiliza um site com informações importantes sobre a doença e o diagnóstico. Basta acessar https://novembroazul.ceonc.com.br/. Além disso, durante todas as semanas de novembro, o Hospital vai publicar conteúdos informativos nas redes sociais, visando alcançar não só os homens, público-alvo direto da campanha, mas também as mulheres, que, normalmente, ajudam na tarefa de convencer os homens a irem ao médico.

. . . 

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Bassani
Banner Mirante
Banner conar
Banner Einstein
Banner emprego
Banner violência se limite
Banner pedrão 2018
Rose Bueno Acessórios
Banner laranja
banner vende apartamento II