banner coronavírus março

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
O amor está lá. Na nossa frente. E ele sabe disso.
  Data/Hora: 15.fev.2021 - 4h 57 - Colunista: Cultura  
 
 
clique para ampliar

Zeca Camargo, via redes sociais...

 

“Qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso na loucura”. Quem dera fossem minhas estas palavras. Elas são de um gênio chamado Guimarães Rosa. Bethânia, portadora eterna da beleza, as declamou ontem na sua live.

 

E eu modestamente as pego hoje pra marcar um certo dia de São Valentino (ou Valentim). Agora parece que temos dois dias para celebrar o amor, este e dia 12 de junho, véspera do dia de Santo Antônio. Se você lembrar que tem gente que se esforça para celebrar o ódio todos os dias, estamos ainda em desvantagem.

 

Mas o fato é que, secretamente, como convém a todo grande amor, louvamos todos os dias as coisas boas do nosso coração. Todos os dias. Não é fácil. Temos que driblar tantas coisas para conseguir isso: distâncias; causas miúdas, rusgas tolas; avalanches de coisas sem importância; nossa própria miopia; a soma de amores passados; nossa vontade de desconseguir (meus amigos angolanos, por favor, ajudem quem não conhece esse verbo). Mas o amor está lá. Na nossa frente. Estamos olhando pra ele. Mesmo que, como também cantou Bethânia ontem, a gente não o pega, nem chega a o ver.

 

Esta foto que tirei quase quatro anos atrás em Bali, que encontrei quando procurava (que ironia) uma imagem de um Carnaval passado, de repente ilustra bem exatamente isso que acabei de escrever.

 

Seja dia 14 de fevereiro, 12 de junho, o dia em que você deu aquele anel, teve um ataque de riso, escolheu a música de vocês, inventou um certo apelido ou acordou, olhou pro lado e achou que não pudesse ser mais feliz. O amor está lá. Na nossa frente. E ele sabe disso.

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner Einstein
Banner Mirante
Banner pedrão 2018
Rose Bueno Acessórios
Banner emprego
Bassani
Banner laranja
Banner violência se limite
banner vende apartamento II