banner coronavírus março

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Falando Sério
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  SICOOB
  SINSMI
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Bruno Peron
Cultura
Inácio Dantas
João Maria
Miss Paraná
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
POESIA: Da série os Milagres da Criação – a fé e a remoção das montanhas de indecisões...
  Data/Hora: 20.jul.2021 - 4h 3 - Colunista: João Maria  
 
 
clique para ampliar

Foto ilustrativa – Divulgação / Internet

 

 

Jesus! Se você puder crer

E saber sem qualquer

Sombra de dúvida, com

Uma firme convicção em

Sua consciência,

 

 

Com certeza conseguirá

Remover as montanhas de

Indecisões e dificuldades que

Se colocam em sua vida e

Tudo o que almejas, alcançar. É

O Amor Divino em Ação.

 

 

Maravilhoso isso, Mestre! Pode repetir o que realmente nos disse sobre a fé, quando esteve por aqui nos visitando?

 

 

- “Sim! O que eu disse e foi mal interpretado pelos meus discípulos e evangelistas foi: Vejam esta grande árvore. Cresceu desde a menor semente que se possa imaginar. Vejam o tronco enorme, os galhos e sua frondosa copa. Todo este enorme crescimento originou-se de uma pequena semente como a de um grão de mostarda. Como aconteceu tal coisa? De onde vem toda a madeira da árvore e a frondosidade que a ornamenta? Isto não é tão milagroso quanto os milagres que eu realizo para vocês dia após dia? O crescimento desta árvore não é tão obra do “Pai” quanto a cura que recebem os enfermos?”

 

 

Se entendi, Mestre - como ao falar de fé, mencionaste a palavra “semente”, eles colocaram nos evangelhos de que “quem tiver a fé do tamanho de um grão de mostarda e olhar para aquela montanha e dizer: saia daqui e se lances ao mar, isso acontecerá”. Foi isso?

 

 

- “Sim! Fizeram uma interpretação errônea do que eu realmente disse. Eu fiz a comparação acima dizendo que é uma entidade diminuta de “conhecimento da consciência”. É o “conhecimento consciente” daquilo em que se transformará. É um fragmento de “consciência” retirado da “Consciência Divina”.

 

- "É um fragmento do poder da mente, procedente do Poder Mental do Pai”... o qual ao ser plantado na terra e regado pela chuva, começará a vestir a si mesmo com a “matéria” visível da qual possui o conhecimento no fundo de si mesmo. Este conhecimento é verdadeiro, é firme, é forte e sem desvios”.

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner pedrão 2018
Rose Bueno Acessórios
Banner Einstein
Banner emprego
Banner Mirante
Banner violência se limite
banner vende apartamento II
Bassani