banner itaipulândia junho

 
 
   Categorias
  ATLETISMO
  Banco do Brasil
  Brasil
  Cartas do Leitor
  Educação
  Ego Famosos
  ENTREVISTAS
  Esporte
  Eventos
  Familias
  Foz do Iguaçu
  Geral
  Itaipu Binacional
  Lindeiros
  Moda
  Mundo
  Oeste
  Opinião do Leitor
  Policiais
  Politica
  Santa Terezinha de Itaipu
  São Miguel do Iguaçu
  Sociais
  Virtudes e valores
 
     
   Colunistas
Cultura
João Maria
 
   
 
   Previsão
 
 

 
 
 
Envie por email
 
Minha Casa, Minha Vida - Luciana leva à Brasília pedido de retomada do programa nacional de Habitação Rural
  Data/Hora: 29.mar.2023 - 8h 15 - Categoria: Politica  
 
 
clique para ampliar

Da Assessoria - Thea Tavares - Nos governos de Lula e Dilma, o Minha Casa, Minha Vida Rural resultou na construção e entrega de quase 40 mil casas para famílias de baixa renda que vivem no campo.

 

Brasília-DF, 28/03/2023 -  Em audiência com o ministro do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar, Paulo Teixeira, na tarde desta terça-feira (28/03), a deputada estadual Luciana Rafagnin (PT-PR), acompanhada do deputado federal Tadeu Veneri (PT-PR), levou ao governo federal as necessidades da agricultura familiar do Paraná, como a redução dos juros para a produção de alimentos, a garantia dos direitos previdenciários da categoria e também o pedido da retomada do Programa Nacional de Habitação Rural, entre outras.

 

Nos governos de Lula e Dilma, o “Minha Casa, Minha Vida Rural” resultou na construção e entrega de quase 40 mil casas para famílias de baixa renda que vivem no campo. Além de retomar a política pública que fez tanta diferença na vida das agricultoras e agricultores familiares por todo o país, levando mais dignidade e infraestrutura para trabalhadores do campo, há a necessidade de ampliar a inclusão das famílias atendidas, com atualização de valores, benefícios e contrapartidas. “É um anúncio aguardado pela agricultura familiar de todo o país, muito abandonada nos últimos anos. Viemos aqui reforçar esse pedido junto ao governo federal”, disse Luciana.

 

Líder do Bloco Parlamentar da Agricultura Familiar na Assembleia Legislativa do Paraná, a deputada foi porta-voz de outra demanda das entidades que representam o segmento produtivo no estado: o reconhecimento das normas de enquadramento da agricultura familiar em todos os programas e medidas administrativas do governo, pra fins de garantia de acesso a direitos e a benefícios. “As entidades recebem seguidamente denúncias de indeferimento de pedido de aposentadoria de agricultores familiares pelos motivos e interpretações mais absurdas, como trabalhar a terra com o recurso de um pequeno trator, adquirido com muito sacrifício, o que significaria, na avaliação de agentes públicos um desenquadramento da condição de agricultores familiares”, argumentou a deputada.

 

Entidades da agricultura familiar assinam, inclusive, um pedido ao ministro Paulo Teixeira que realize uma cerimônia de lançamento do Plano Safra 2023/2024 em Francisco Beltrão, no Sudoeste do Paraná, para valorizar a importância da produção de alimentos desse segmento para a soberania e segurança alimentar e nutricional do povo brasileiro. O ministro ficou de levar o pedido das entidades do Sudoeste ao próprio Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva

 
 

 

 

 
 
Deixe seu comentário!
 
 
 
Banner emprego
Banner Exposição
Bassani
Banner Mirante
Banner Einstein
Banner pedrão 2018
Rose Bueno Acessórios
Banner violência se limite